2014 — O resgate na Caverna Riesending, Alemanha

Em junho de 2014, um espeleólogo de 53 anos sofreu uma lesão cerebral traumática contundente com perda imediata de consciência por vários minutos, a uma profundidade de aproximadamente 1.000m e a uma distância de 6,5 km da entrada da caverna Riesending, na Alemanha.Saiba como foi atendimento pré-hospitalar ao longo dos 12 dias até sua retirada do abismo. Os 12 dias de resgate envolveram mais de 728 socorristas, 202 trabalhando diretamente dentro da caverna (com um total de 9.239 h) e 7 médicos de cinco países (Áustria, Alemanha, Itália, Eslovênia e Suíça). Foram realizadas 100 horas de voos de helicóptero para o pessoal e o transporte de suprimentos, incluindo vôos noturnos.

participação Italiana
participção Alemã
participação Croata